domingo, 16 de julho de 2017

Séries terminadas

Já falei aqui do sabor agridoce que tem o fim de uma série. O sentimento é sempre o mesmo. Claro que acompanho imensas e há sempre novas a surgir, mas uma não substitui a outra e cada final traz esta sensação de alegria pelo desfecho, misturada com a nostalgia de saber que não vou acompanhar mais nada da vida daquelas personagens. Porque quando termina uma temporada, sabemos que, mais tarde ou mais cedo, elas voltam (e já tenho algumas em espera ansiosa para saber a continuação!). Uma tolice, eheh! Mas é inevitável. Entre ontem e hoje acabei mais duas séries. Uma delas foi a Pretty Little Liars, que, verdade seja dita, já podia ter acabado há bastante tempo (não me interpretem mal, vou sentir saudades na mesma!) e era impossível, penso eu, trazer mais uma reviravolta à história. É daquelas séries difíceis de explicar, porque acontece tanta coisa e tem tantas mudanças e personagens sempre a aparecer. A outra foi a Switched at birth, uma série fofinha, cheia de emoções e dramas reais, que me tocou no coração e que foi difícil ver chegar ao fim. Agora ando a actualizar-me em Walking Dead. Acompanhei até à temporada 5 e depois comecei a cansar-me, mas decidi voltar a dar-lhe uma oportunidade e, durante as férias no Algarve, retomei no ponto onde deixei. Papa-séries em acção!

1 comentário:

Manda o teu bitaite