terça-feira, 4 de abril de 2017

Ninguém merece...

Ainda há pouco tempo estive doente, uma porcaria de uma virose qualquer, suponho, com vómitos e diarreia. Passou. Logo a seguir fiquei engripada, dores de garganta, sempre cheia de frio (eu, a mulher dos calores!) e, constantemente, a assoar-me. Ainda me estava a curar da gripe, pimba... uma gastroenterite no lombo. Ontem comecei a vomitar no trabalho. Hoje já não consegui ir trabalhar e passei o dia enfiada na sala de espera das urgências. Ainda tenho atestado para amanhã, porque não mantenho nada no estômago para além de chá. E é isto. É irónico que tenha feito um post anterior a este a assinalar os 5 anos de emprego, porque, com tanta doença, não sei quanto tempo mais me conseguirei manter! Infelizmente, é assim... o trabalhador temporário não tem direito a ficar doente. Não tem direito a ter filhos doentes, assuntos pessoais a tratar, reuniões da escola, nada. Quem me manda ser uma maldita flor de estufa?

2 comentários:

Maat disse...

Eu ia deixar um comentário positivo, a dizer que pelo menos assim emagreces com tanto tempo sem comer ou a comer pouco, mas quando comecei a ler a última parte... de positivo não tem nada :( pode ser que não, vá.

Cynthia disse...

Há que ser optimista, não é? Ser temporária sucks.