segunda-feira, 15 de maio de 2017

O Meu Conto de Fadas #6


Quando começou a tornar-se sério

Durante as primeiras semanas, não sabia muito bem o que andava a fazer com o B. Na verdade, não pensava muito nisso. Saíamos, achava-lhe piada, sentia-me bem com ele. Havia sempre sobre nós a sombra do namorado que tinha na altura, o que mantinha um certo travão no que tínhamos. Mas não era só isso. Eu tinha um passado amoroso complicado e não queria uma relação séria. Tinha-me apercebido disso há pouco tempo, quando cheguei à conclusão que queria terminar o relacionamento que mantinha, porque não estava a resultar. E não estava a resultar porque eu, a determinada altura da minha vida, comecei a erguer muros à minha volta, barreiras que o B. acabou por conseguir ultrapassar, mas o meu ex-namorado não. Tinha-se tornado habitual trocarmos SMS a maior parte do dia. Tínhamos sempre tema de conversa, estávamos a conhecer-nos e eu entretinha-me a falar com ele durante o trabalho, já que era num callcenter e tinha oportunidade para tal. Também servia para me ocupar o tempo da viagem de autocarro. E foi numa dessas viagens que ele me disse algo que eu não estava à espera e que não queria ouvir. Disse-me que gostava que tivéssemos uma relação séria. Fiquei um bocado sem lhe responder, até ele voltar a mandar mensagem. A pensar no que me tinha dito. A pensar que tinha estado tão enganada em relação a ele, porque sempre me parecera que aquilo não era o que ele queria. Que ele só queria algo casual, passageiro, no strings attached. Tal como eu. E foi isso que lhe disse quando respondi. E ele confirmou que eu estava certa; que, inicialmente, era só isso que queria, não estava à procura de uma namorada. Mas... que eu o tinha feito mudar de ideias. E isso despoletou em mim sentimentos que eu não queria ter. Foi nesse preciso momento que me comecei a apaixonar por ele.

2 comentários:

  1. Foi também assim que começou a minha relação. Pensei que ia ser brincadeira e acabou por ser o meu amor maior. :)

    ResponderEliminar
  2. Achei a história bastante querida :) há relações a começar assim, mais por amizades...

    ResponderEliminar

Manda o teu bitaite