segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Sabichonas

Há dias, à porta da escola, encontrei uma conhecida, que me perguntou quando nascia a bebé. E depois me disse que também já sabia como era, porque já era a segunda vez. E eu respondi que, no entanto, a primeira, foi cesariana, pelo que não sei o que é um parto normal. Estava outra mulher ao lado, que não conheço de parte alguma, a não ser de vista ali da escola, que disse "Ai, não posso ouvir isso... é um parto à mesma!".

Eu estou grávida de 8 meses, com um humor de cão, super farta desta fase e a desejar que passe depressa para poder ter a minha bebé cá fora, mas mordi-me toda para não lhe responder torto. E disse apenas, educadamente, que não é a mesma coisa e, portanto, não sei como é passar por um parto normal.

Obviamente que a cesariana também é um parto. Defecar e urinar são expulsões corporais que implicam idas à casa de banho e não são a mesma coisa. Beber água e comer um bife implicam ingestão, mas não são a mesma coisa. Todos os bebés sujam fraldas, sejam meninos ou meninas, mas os órgãos genitais são diferentes, pelo que a limpeza também não é igual, apesar de ambos serem bebés. E por aí adiante...

Na cesariana, não expulsamos um bebé pelo canal vaginal. Não temos que fazer força até os olhinhos saltarem para fora. Não há episiotomia, o corte é na barriga e os pontos são diferentes, bem como a recuperação. A sensação que descrevem de ter que fazer força para o bebé sair para fora quando temos contracções? Não sei o que é! Nunca senti. Portanto, mulheres que se acham muito sabichonas, tentem lá compreender algo que é fácil de entender... quem passou por uma cesariana, não faz ideia do que é um parto normal. E vice-versa. Tá? Portanto, é perfeitamente natural que haja ansiedade pelo desconhecido que é passar por um tipo de parto que não se teve antes.

9 comentários:

  1. Não consigo compreender essa necessidade de quando se vê uma grávida achar-se que se sabe tudo de gravidezes, e deitar tudo cá para fora sem sequer ser consultada para isso (como foi aqui o caso). Comentários desnecessários e que como é óbvio pode incomodar a grávida.
    https://jusajublog.blogspot.com/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As pessoas tendem a achar que as grávidas precisam e não podem passar sem a opinião alheia...

      Eliminar
  2. Ai, as pessoas e a mania de se meterem sempre... Socorro!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Beeeem o meu post serviu que nem uma luva entao lol olha que vaginal eu não achei nada de especial... passado 1 semana tava pronta para outra mas tb ja tive pessoal que teve cesariana q pouco faltou pra ficarem de cama. Tal como disse no post... cada parto é um parto, e isso inclui a cesariana.
    Beijinhos,
    O meu reino da noite | facebook | instagram | bloglovin

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois foi :P claro, eu imagino que sim, cada um é diferente e não se pode dizer que cesariana é melhor ou que vaginal é melhor, porque há bom e mau em ambos. E as opiniões diferem. O que não acho nada bonito é desvalorizarem um ou outro e menos ainda a ansiedade que é passar por uma coisa desconhecida. Acho que é normalíssimo, ainda que depois possamos achar que estávamos a ser parvas :P é algo que só poderemos avaliar depois de ter o bebé!

      Eliminar
  4. Também estou cansada de sabichonas, mas força, nós vamos conseguir sobreviver a isto =p

    ResponderEliminar
  5. Há sempre quem acha tudo.
    Olha eu nunca estive grávida e se tivesse que levar com sabichonas os meus astros desalinhavam-se ainda mais em palavras :p

    ResponderEliminar
  6. Olha,nem sei que dizer,nunca estive grávida nem desejo ser mãe mas lidar com pessoas dessas é bem difícil,o que é bom nesses casos é saber manter a calma!!

    ResponderEliminar

Manda o teu bitaite

Locais a conhecer #14 \\ Porto

Já falei aqui muitas vezes nesta cidade e em como ela tem lugar cativo no meu coração. Adoro de paixão a cidade Invicta. Garantidamente, se...