segunda-feira, 28 de maio de 2018

Movie review \\ The Witch



Sinopse: 'A Bruxa' passa-se na Nova Inglaterra, em 1630; depois de quase ser excomungado da Igreja, um agricultor deixa sua plantação colonial e muda-se com a esposa e os cinco filhos para um terreno no limite de uma floresta sinistra, onde se esconde um mal desconhecido. Quase que imediatamente acontecimentos estranhos tornam-se rotina e, por causa da desconfiança e paranóia, os pais acusam a filha de praticar feitiçaria. Com episódios cada vez piores e mais obscuros, a família começa a ter a sua fé, lealdade e amor testados das maneiras mais chocantes.

A reacção de Thomasin quando vê o bode atacar o pai

A cena final

Caleb depois de ser amaldiçoado

Thomasin e o corpo da mãe

Jonas, Mercy e o bode Black Philip

O momento da oração à mesa

Opinião: Bom, vi este filme sem saber ao que ia e fiquei super desiludida, mesmo assim. Vi com muito sacrifício até ao fim, porque não gosto de deixar a meio, mas não gostei! Depois disso, já fui em busca de críticas e explicações para este filme e parece que, no fundo, fica ao critério da interpretação de cada um. Fala de crenças religiosas de um fanatismo absurdo e de como essa crença pode levar as pessoas à loucura. Porém, não entendo o desenrolar da história. O bebé da família é o primeiro a desaparecer, levando-nos a crer que é levado por uma bruxa, já que aparece posteriormente com uma criatura que, aparentemente, o desfaz para se esfregar toda em sangue (terei entendido bem?? Nem tenho a certeza). Depois, o mal começa a ser representado pela própria crença religiosa (ou assim interpretei), que leva a atitudes radicais por parte dos membros da família, que começam a acusar-se entre si de uma forma paranóica. A criatura da floresta ainda aparece mais uma vez para amaldiçoar o rapazinho adolescente (que, ao que parece, se sente sexualmente atraído pela irmã) e, por último, o mal acaba representado no bode preto que existe na quinta, que é a representação física do diabo e que acaba por levar a filha mais velha e única sobrevivente para um círculo de bruxas, quando ela aceita esse caminho. Os gémeos que também fazem parte da família simplesmente desaparecem sem explicação. Não faço ideia qual era o objectivo de quem escreveu esta obra de arte... mas não recomendo! Muito desconexo e chato, muito chato.

2 comentários:

  1. Já não consigo ver filmes de terror e nem sei bem porquê... Mas fico com ansiedade e tudo.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  2. é o tipo de filmes que não vejo..
    detesto filmes terrores..

    ResponderEliminar

Manda o teu bitaite

O último trimestre

Como está a ser o vosso mês final de gravidez? É o título do tópico publicado no fórum De Mãe para Mãe, que podem ler ao aceder a esse ...