terça-feira, 12 de janeiro de 2016

Amamentação em público


Este casal fez a experiência de amamentar em público e vejam a maior parte da reacções... Francamente, não entendo desde quando é que dar mama em público se tornou tão incómodo para o mundo. Não tenho noção que isto, em tempos, fosse um problema tão grande para toda a gente, agora é uma questão polémica e é um acto muitas vezes visto como "nojento" ou "indecente". Mas porquê? Não é uma coisa natural? Tem que procurar um sítio privado para fazê-lo porquê? Se o bebé tiver fome ali, porque não alimentá-lo? Se a própria mulher se sentir embaraçada, compreendo que ponha qualquer coisa por cima a tapar, caso contrário, porque é que os outros se sentem incomodados?? Eu, pessoalmente, prefiro não o fazer à frente de ninguém, mas por mim, não por eles. Não me faz qualquer diferença se uma mulher fizer isto perto de mim. Acho que primeiro está o bebé e depois, MUITO DEPOIS, a opinião alheia. Não querem ver, não olhem. Ninguém os obriga a fixar as mamas de ninguém, só porque estão à vista (para alimentar uma criança, diga-se de passagem). E muitas vezes, com o tipo de roupa e soutien orientado para isso, mal se vê! E isso de ter uma fraldinha a tapar é bonito, mas saibam que há bebés que não acham a menor graça a essa situação e passam o tempo a destapar-se, nem comem descansados. Especialmente quando nascem em pleno verão, até tenho pena das crianças. É uma coisa tão pura e maternal, um laço tão íntimo entre mãe e bebé, como é que podem olhar para aquilo com maldade?

6 comentários:

  1. Não vejo qual o drama...

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. "Acho que primeiro está o bebé e depois, MUITO DEPOIS, a opinião alheia. Não querem ver, não olhem. Ninguém os obriga a fixar as mamas de ninguém, só porque estão à vista (para alimentar uma criança, diga-se de passagem)."

    Está tudo dito. Às vezes acho que as pessoas não têm problemas a sério com que lidar e gostam de inventar.

    ResponderEliminar
  3. Bem, eu nisso sou pragmática... para mim é absolutamente indiferente... mas tento respeitar quem não se sente à vontade ao ver uma mulher dar de mamar. Por mais pateta que possa ser, à gente... tacanha!

    ResponderEliminar
  4. Isa Sá, eu tb não...

    Joana, exactamente. Hoje em dia indignam-se com tudo...

    S* pois... ok, tb respeito que não se sintam confortáveis... apesar de não entender. Mas isso não lhes dá o direito de insultar a mulher ou fazê-la sentir-se mal por estar a alimentar o filho!

    ResponderEliminar
  5. Estrangeirisses americanas.
    Estão a associar SEXO à maternidade.
    Só porque vislumbram a auréola da mama.
    Parece que não vêm o bebé nem o propósito com que aquele seio está a sair para fora da roupa. É um absurdo! um pseudo-socialismo da treta.

    Os homens sexualizam as mulheres de tal forma que agora atinge até o seu estado de maternidade e cuidadora do seu bebé. Triste e necessário combater tal mediocridade.

    ResponderEliminar
  6. Pois, infelizmente, este tipo de reacções é muito comum cá também. E, sim, associam sexo à maternidade... não entendo e irrita-me todo aquele ar enojadinho com que se põem quando uma mulher decide amamentar.

    ResponderEliminar

Manda o teu bitaite